Conceito aberto: 15 fotos e dicas para valorizar o ambiente

Conceito aberto

O conceito aberto vem marcando uma presença forte nas construções residenciais. Seu intuito é criar amplitude no ambiente, com a máxima integração possível dos cômodos, e de quebra garantir uma identidade moderna ao projeto, independentemente do design adotado na decoração. A dupla Leonardo e Larissa da Minimal Arquitetura traz mais informações sobre o conceito.

O que é um conceito aberto?

Segundo os arquitetos da Minimal, conceito aberto é uma grande área social integrada que engloba cozinha, sala de jantar e sala de estar ─ ambientes tradicionalmente organizados em ambientes separados. “Nas últimas décadas do século XX, principalmente em Nova York, houve uma transformação no uso dos edifícios nas áreas centrais, que antes funcionavam como indústrias e fábricas, mas passaram a ser utilizadas como moradia de jovens recém-chegados à cidade. Essas construções não apresentavam divisórias, portanto, os ambientes eram setorizados por móveis. O conceito loft se popularizou a partir daí”, explica a dupla

Vantagens e desvantagens ao criar um conceito aberto em um projeto residencial

Assim como qualquer escolha, um conceito aberto traz uma série de vantagens e desvantagens dentro de um projeto. A Minimal Arquitetura listou cada uma delas:

Vantagens

  • Diferentemente dos costumes coloniais, hoje, o ato de cozinhar organiza a própria socialização. Em reuniões de amigos e famílias, a cozinha vira o ponto central desses eventos. Mesmo que nem todas as pessoas de fato utilizem a cozinha, a proximidade com a área de jantar e sala de estar permite o contato visual e a interação.
  • Salvo exceções pontuais, cada ambiente de uma residência precisa ter iluminação e ventilação naturais. Quanto mais subdivisões em planta, fica mais complicado atingir esse objetivo adequadamente em todos os ambientes. Em grandes espaços integrados com grande abertura – como uma sacada ou varanda – você resolve a questão para vários ambientes da edificação de uma só vez.
  • Simplificação da construção – mais alvenaria significa mais material, mais mão-de-obra para execução, mais tempo de obra, mais entulho. Sendo possível adotar o conceito aberto, você literalmente tem menos obra a construir.
  • A integração dos ambientes não traz vantagens apenas em situações de socialização. No dia a dia, essa facilidade de transição de um ambiente para outro também simplifica atividades como limpeza, comunicação e a circulação.

Desvantagens

  • Na proporção em que eliminamos paredes, eliminamos também espaços onde seria possível existir um armário. Por esse motivo, em muitos casos vemos residências de conceito aberto onde, na sala, há grandes estantes para guardar livros, objetos decorativos, lembranças de viagem, retratos, DVDs, blu-rays e etc. E na cozinha, móveis planejados dimensionados para atender às demandas específicas. No entanto, dependendo do volume de objetos e utensílios que a família possui, isso pode se tornar um problema.
  • É preciso que a estrutura da edificação esteja preparada para abrigar grandes vãos. No caso de reformas, às vezes eliminamos algumas paredes divisórias, mas não é possível eliminar pilares, que acabam ficando pelo caminho e afetam a fluidez pretendida. Pensando em construções novas, em alguns casos é necessário que a própria laje seja um pouco mais reforçada, o que pode encarecer um pouco a obra na fase estrutural.
  • A pandemia trouxe muitas pessoas para trabalhar e estudar de dentro de casa, e tanto para atividades individuais como para reuniões online, o ideal é que seja possível obter algum nível de silêncio ou privacidade. Nem todas as residências possuem um ambiente extra que possa ser utilizado como home office, e as dependências da sala de estar acabam se tornando a única alternativa possível.

15 fotos de conceito aberto para inspirar o seu projeto

Os projetos residenciais com conceito aberto a seguir mostram que a ideia se encaixa perfeitamente em diferentes estilos de decoração:

1. O conceito aberto se tornou uma ótima ferramenta para dar amplitude a residência

2. E pode abranger quantos cômodos da casa você quiser

3. Atualmente, é muito comum fazer esta integração entre a cozinha, varanda e sala

4. E a divisão de ambientes fica por conta da setorização criada por móveis

5. Você também pode utilizar as cores ao seu favor para a divisão

SHEILA ALMENDROS

6. E tapetes também são muito bem vindos

7. O conceito aberto é muito usado em projetos com design industrial

TRIART

8. E também no estilo contemporâneo

9. No entanto, a verdade é que o conceito aberto se enquadra em todos os estilos

10. Você pode criar estruturas móveis para garantir privacidade quando necessário

11. Um projeto de marcenaria inteligente também contribui nesta missão

12. Estruturas com vidro colaboram ainda mais com a amplitude do conceito aberto

13. Essa amplitude pode ser criada horizontalmente

14. E também verticalmente

15. Quitinetes e studios investem pesado na integração do conceito aberto

16. Afinal de contas, é algo que colabora não só com a valorização do espaço

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.